Decreto de Felicidade

À partir de hoje vou ser feliz
E vocês que se incomodam
Com a felicidade alheia
Sejam felizes também.

Tirem o pó dos sorrisos
Aliviem o peso dos corações
Aqui nada mais vai ser triste
Nem um pingo no chão.

A felicidade se encarrega
De girar a roda da engrenagem
Que devolve o que você dá.

Eu escolho dar felicidade
Dar o meu melhor sorriso no espelho
Mas cada um sabe o que faz.

Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. Lunna Guedes disse:

    Deveria ter uma camiseta com esse poema para eu andar por aí. rs

    Curtir

    1. Daniela Farah disse:

      Que comentário mais lindo esse Lunna!!! Muito grata!!! <3 <3 <3

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s