O Peso

E pensar que a minha doença
Reside na causa
Da minha insuficiência.

Mas como achar que sou suficiente
Sem deixar que isso suba a cabeça
E como saber que sou pouco
Sem me deixar diminuir.
 
Complicada essa questão chamada vida
Em que a balança pende para o lado
Que se fecha os olhos.

E que se deve fechar os olhos
Para sentir para onde pende a balança.

Publicidade

Um comentário em “O Peso

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: