Tudo que eu calei

Todas as coisas que eu te disse
e todas as que eu calei
agora não importam mais
cada um seguiu um caminho
e mais diferente impossível.

Eu queria voltar por um momento
E te beijar mais uma vez
Olhar nos seus olhos
Ouvir o som do seu sorriso
Queria te irritar por mais um dia
e fazer você socar todas as paredes
Tudo isso porque eu amo você.

Mas agora nada mais faz diferença
Nos seguimos em frente sem olhar
nem um minuto para trás
E agora assumimos as consequências
Pagamos o preço sem levar o produto.

E agora somos mais dois infelizes
a nadar nesse rio sem saída
E agora é tarde demais para voltar
e mergulhar
Como devíamos ter feito.

É tarde demais
Eu me pergunto se um dia vai chegar a hora
em que vamos deixar de lado
todas as outras coisas
todo o orgulho
toda a tristeza.

Eu me pergunto se um dia vamos
acreditar no amor.

Publicado por Daniela Farah

Daniela Farah é curitibana de coração, jornalista formada pela PUC-PR e sempre esteve ligada às artes, estudou produção cênica, língua portuguesa, literatura e violão no Conservatório de MPB do Paraná. Tem o blog “Adanibella – Todo dia é dia de Poesia” para trabalhos literários, é redatora da Roadie Music e participa do grupo Mulheres e Poesias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: